Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
2/03/21 às 11h26 - Atualizado em 21/07/21 às 15h56

Inquérito post mortem

  Agravos

Doenças de notificação compulsória


  Cadastro TrakCare

Não precisa realizar cadastro


  Cadastro LabTrak

Não se aplica


  Método

PCR e Imuno-histoquímica


  Status de Realização

Exame encaminhado para laboratório de referência


  Amostra/quantidade

 

Material: fragmento de cérebro, pulmão, coração, fígado, baço e rim, dependendo do agravo solicitado.

 

 

Volume mínimo: fragmento de tecido medindo 3,0 x 2,0 x 1,5 cm (sendo dois fragmentos de cada tecido, com áreas representativas das lesões).


  Acondicionamento para o envio das amostras

 

Fragmentos in natura: -20°C (congelador) e transporte deve ser realizado em temperatura de 2°C a 8°C.

Fragmentos em formalina tamponada a 10%: temperatura ambiente. Não devem passar por processo de resfriamento ou congelação.

 

As amostras devem ser entregues no Núcleo de Recepção do LACEN de 7:00 às 16:00 de segunda a sexta-feira.


  Período de coleta

Os fragmentos de tecidos devem ser retirados o mais rápido possível, após ser constatado óbito, para evitar autólise.


  Documentação específica

Ficha SINAN do agravo(s) suspeito(s), devidamente preenchida e assinada pelo médico responsável


  Prazo de liberação

A partir de 45 dias após chegada no LACEN


  Critérios de Rejeição de amostra

Amostra sem identificação;

Amostra em recipiente inadequado;

Amostra vazada;

Amostra sem ficha SINAN.


  Núcleo

Núcleo de Recepção – NURE

Laboratório Central de Saúde Pública - Governo do Distrito Federal

LACEN-DF

SGAN 601, Lote O/P - Asa Norte